Ajuntamento de pessoas no Barreiro leva GNR a disparar

Para repor a ordem pública a GNR teve que intervir com disparos. Um dos civis foi alvejado e teve que receber tratamento hospitalar

publicidadeGearbest Alfawise V8S Max UV Sterilization + Disinfectant Disinfection Wet and Dry Robot Vacuum Cleaner promotion
Tempo de Leitura: < 1 minuto

A GNR teve que intervir na noite de sábado para repor a ordem pública na zona de Santo António da Charneca, Barreiro. A GNR teve que disparar balas de borracha para dispersar um grupo numeroso que tinha estado numa festa de aniversário naquela zona e regressavam a casa na Cidade Sol.

O grupo terá parado num posto de abastecimento e ali permaneceu até ser chamada a GNR, que ao chegar ao local não foi bem recebida. Os militares ainda conseguiram pedir para o dispersar por estarem num ajuntamento ilegal de acordo com o Estado de Calamidade. Ordem essa que não foi bem aceite pelo grupo que começou a desacatar as forças de segurança no local.

O confronto físico entre elementos do grupo e os militares gerou o uso da força e a sequência de disparos com munições de borracha. Fonte da GNR diz que desconhece que alguém tenha sido atingido com esses disparos, segundo o CM houve uma pessoa que teve que receber tratamento hospitalar.

A mesma fonte diz que está a ser feita uma diligência para identificar os intervenientes do ajuntamento, o caso segue para o Ministério Público.

 

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome