País

Aeronave suspeita vinda do sul do Algarve foi intercetada pela Força Aérea Portuguesa

- publicidade -

A Força Aérea Portuguesa (FAP), intercetou uma aeronave suspeita a sobrevoar o espaço aéreo nacional, proveniente do sul do Algarve com rumo a norte. A FAP avisou de imediato as autoridades terrestres acerca da sua localização.

Através de um comunicado, a FAP revelou que a aeronave, que estava sem comunicações e identificação, se estava a aproximar do espaço aéreo português, esta terça-feira (24), quando foi detetada pelo sistema de defesa aérea e de policiamento aéreo.

Segundo a Agência Lusa, foi ativada uma parelha de caças F-16M ao mesmo tempo que foi enviado um avião P-3C CUP+, devido à aeronave estar a baixar a sua velocidade e altitude.

“Através dos sistemas eletrónicos que equipam o avião P-3C CUP+, foi possível efetuar o seguimento e a monitorização do voo da aeronave suspeita, o que permitiu informar, em tempo real, a sua localização às autoridades competentes em terra”, referiu a FAP.

De acordo com a edição de hoje do Jornal de Notícias, esta aeronave foi a que largou dois fardos de haxixe perto da A26, no concelho de Ferreira do Alentejo, onde já estava no local um grupo de narcotraficantes para recolher a mercadoria. Esta informação já tinha sido também partilhada pelo Diário do Distrito. 

“Foram perseguidos pela GNR, mas abandonaram o carro e a droga e fugiram a pé”, indica o jornal português.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *