Atualidadecoronavírus

Adesivo pode detectar covid19 através da respiração e máscaras

- publicidade -

Um grupo de investigadores da Universidade da Califórnia, em San Diego, EUA, está a desenvolver um teste para o Sars-CoV-2, através de um adesivo ou tiras-teste, que podem ser colocadas directamente numa máscara de proteção cirúrgica ou de tecido.  

A informação é prestada na revista da UC San Diego, com um artigo onde Jesse Jokerst, líder do projeto, explica que as tiras-teste detectam a presença de moléculas de clivagem de proteínas, chamadas protéases, produzidas a partir da infecção pelo vírus causador da Covid19.

tarot terapêutico

O princípio é que, à medida que o usuário respira ao usar a máscara, as partículas se acumulem no adesivo, que, por sua vez, pode ser testado para a presença do novo coronavírus.

A tira-teste está equipada com um blister que, quando apertado, liberta nanopartículas que mudam de cor na presença das protéases associadas ao Sars-CoV-2.

Tiras-teste para covid19

De acordo com os pesquisadores, estas tiras-teste podem ser facilmente produzidas em grande escala e com baixo custo, o que pode permitir detectar mais rapidamente casos positivos em locais com muitas pessoas ou com poucos recursos, como lares, prisões, etc.

Os investigares alertam no entanto para que as tiras-teste não podem e nem devem substituir os protocolos atuais de testagem para a Covid-19 e Jesse Jokerst compara estas com «um detector de fumo na casa de cada um de nós. Ao ser activado, sabemos que há um problema e temos de verificar o que está a causar o fumo. Ao serem acionadas as tiras-teste, o individuo saberá que é necessário realizar os testes mais sofisticados.»

O projeto, que recebeu 1,3 milhões de dólares do Instituto Nacional de Saúde americano, tem como objetivo fornecer uma forma de vigilância simples, acessível e confiável para as infecções por COVID-19, e faz parte do programa Rapid Acceleration of Diagnostics Radical (RADx-rad) do NIH para COVID-19.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui