Cantinho da BicharadaInternacional

Actores dão voz a curta-metragem contra testes em animais

- publicidade -

Zac Efron e Ricky Gervais são as estrelas da curta-metragem ‘Save Ralph’, que destaca a necessidade urgente de acabar com os testes em animais.

No Brasil, é Rodrigo Santoro quem dá a voz ao personagem principal e em França, a voz de ‘Ralph’ é de Pom Klementieff. Em Portugal ainda não existe uma versão deste filme em animação em stop motion.

A história foi escrita e realizada por Spencer Susser e produzida pela organização sem fins lucrativos de defesa dos animais Humane Society International em conjunto com a empresa australiana Blue Tongue Films.

O projeto, que conta com o envolvimento de várias personalidades famosas, com a participação de Olivia Munn, Tricia Helfer, Pom Klementieff e do realizador vencedor de um Óscar Taika Waititi como Ralph — um coelho que perdeu a audição num ouvido e a visão num olho devido à sua experiência em testes em animais.

A curta-metragem decorre como uma entrevista em estilo de documentário, com Gervais a entrevistar Ralph na sua casa.

A Humane Society International fornece no seu site uma lista extensa de procedimentos comuns em animais e as suas consequências. As consequências incluem condicionamento, dor, asfixia e morte.

A curta-metragem foi concebida como parte da campanha #SaveRalph para banir os testes de cosméticos em animais.

A Agência de Proteção Ambiental (The Environmental Protection Agency) anunciou que vai parar de realizar testes em animais nos próximos anos, com vista a substituí-los totalmente com alternativas científicas mais avançadas até 2035. Entretanto, a China não vai exigir mais testes em animais em alguns cosméticos importados a partir de maio de 2021.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui