Opinião

A (In)segurança e as estatísticas

- publicidade -

Como habitualmente faço, já a algum tempo a esta parte, gosto de me sentar numa esplanada com vista para o mar, em Sesimbra, para beber um café e ler o jornal que o estabelecimento mete à disposição dos seus clientes;

Ora numa dessas ocasiões deparo-me com o título de um jornal diário de grande tiragem nacional que dizia o seguinte:

“Taxas de Criminalidade por Pessoa no Distrito de Setúbal das mais elevadas…”

Continuando a minha leitura, verifico que Sesimbra, está entre os Concelhos onde se registaram as taxas mais elevadas de criminalidade por pessoa;

Penso para mim, que embora muitas vezes duvide das estatísticas encomendadas pelos mesmos de sempre, desta vez, acho que não devem fugir muito da realidade;

Ocorrem-me quase automaticamente, imagens sobre furtos na época balnear e não só, em praias do Concelho, cenas de pugilato á saída de estabelecimentos de animação noturna que abundam por Sesimbra, ou seja, Criminalidade Violenta;

Também na maior Freguesia – Quinta do Conde – os números não são melhores com diversos assaltos a residências, na sua maioria, moradias e furtos a pessoas na via pública;

O flagelo continua, mas agora, para os lados da Estação de comboios da Fertagus que serve a mesma Vila, onde diariamente são furtados automóveis estacionados nas imediações da Estação e também, pasme-se, no interior do parque de estacionamento;

Quer seja por causa dos catalisadores, ou por objetos deixados à vista ou até mesmo, o roubo físico das viaturas que vão abastecer o prolífero mercado de peças usadas e que já não aparecem;

Continuando, no mesmo espaço físico, à dias atrás, um jovem foi violado na casa de banho da mesma estação, por um indivíduo, que veio a apurar-se já era cadastrado e reincidente no mesmo crime…

Bem, acho que já CHEGA e mesmo assim, sei, que, apenas aflorei uma percentagem muito ínfima de casos que infelizmente se passam …

Se esta insegurança me surpreende? Claro que não…

Por “defeito profissional” sei que estas questões merecem uma análise mais profunda e não “remendos” momentâneos, onde apenas se está a adiar o inadiável;

O Partido CHEGA, cujo uma das suas “bandeiras” é a SEGURANÇA PÚBLICA, já tinha alertado as instâncias responsáveis e por diversas vezes se manifestou, quer através de conversas informais com os responsáveis Municipais, quer nas diversas reuniões de Assembleia Municipal da Câmara Municipal de Sesimbra, quer inclusivamente, numa onde estive presente, com o Sr. Presidente da Junta de Freguesia da Quinta do Conde, onde o CHEGA, marcou a sua posição no que ao assunto diz respeito;

E porque desde essas reuniões até agora, nada foi feito e todas as situações que atrás referi, continuam a acontecer e amanhã acontecerão novamente e porque nós, cidadãos de bem, dizemos JÀ CHEGA!!!

Pergunto…

– Para quando um debate sério e inclusivo, com a Autarquia, Cidadãos, Forças de Segurança e Proteção Civil?

– Para quando a instalação de câmaras de vigilância,nas zonas de maior concentração de pessoas, em Sesimbra?

– Para quando a instalação de câmaras de segurança na maior freguesia e a que detém o maior fluxo habitacional do Concelho, com cerca de 30.000 habitantes – o triplo das restantes freguesias juntas – que é a Freguesia da Quinta do Conde?

– Para quando a construção do novo Quartel da GNR, já agendado e até com local atribuído, mas que o Poder Central continua a “assobiar para o lado”?

– Para quando o investimento nos Serviços e Forças de Segurança, aumentando o número de efetivos de elementos policiais, para que o número de militares e patrulhas, sejam uma presença mais constante, visível e deste modo dissuasora para os criminosos?

Para os outros Partidos Políticos, a temática da Segurança, pouco ou nada lhes diz, como se tem visto desde sempre, nestes anos ininterruptos de governação Comunista e de esquerda, não se esperando destes, grandes alterações estruturais ou mesmo vontade política para um debate sério;

Ainda ontem, para que se saiba que o CHEGA é o único preocupado com esta temática, o Presidente do Partido, Dr. André Ventura, voltou a insistir no reforço dos meios afetos à Segurança Pública;

 Compete-nos a todos, enquanto cidadãos, EXIGIR que a nossa SEGURANÇA e a dos nossos, não seja apenas mais um tema para ESTATÍSTICAS, infelizmente más para o nosso Concelho;

Pela nossa parte, o Partido CHEGA, cá estará, nem que esteja sozinho, a zelar e a lutar pelo que os portugueses merecem.

Contem Connosco!!!

Diamantino Laja, Coordenador do Núcleo Concelhio de Sesimbra do Partido CHEGA


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *