Parceiros
Atualidade

A influência da cultura pop nos dias de hoje

Como pode a sociedade civil ser influenciada nos novos tempos

Numa época onde cada vez mais existe a necessidade de causas, inclusão e igualdade de género, há também movimentos que renasceram e evoluíram para dar ainda mais liberdade de expressão às pessoas.

Muitos são aqueles que acompanham as tendências digitais e desejam estar a par de tudo o que se passa nas redes sociais, desenvolvendo as suas capacidades. No entanto, em paralelo, também existem outros fenómenos de expressão.


No caso, falamos da cultura pop, aquela que pertence às massas, que se diferencia por ser o buzz da sociedade em setores específicos. São os costumes dos subtipos, nos quais o entretenimento, desporto, gaming, música, cinema, moda, tecnologia ou até as notícias ganham uma dimensão ainda maior que a sua essência.

Com isso em mente, vejamos que toque traz a cultura pop a alguns destes setores.

5 Exemplos da influência da cultura pop na sociedade

Moda

Provavelmente é um dos setores que mais está relacionado com a cultura pop. Entre as calças à boca de sino, streetwear, a roupa de linho, calças rotas ou bombazine, a moda sempre foi então um dos expoentes máximos da cultura popular urbana. E não era de estranhar, isto porque, sempre foi uma forma de afirmação cultural e de posição na sociedade.

Além disso, trouxe muitos estilos que vão criando tendências entre a população.

Por exemplo, a forma de vestir dos surfistas, um estilo muito próprio, com marcas focadas exatamente no segmento; o género “glamouresco” das grandes marcas de estilistas para eventos ou festas mais badaladas das figuras públicas; ou então o estilo hype urbano que cada vez mais tem adeptos devido à sua irreverência.

Gaming

O gaming, quer seja de consolas, computador ou até mesmo dos smartphones é um dos mundos que mais impulsiona a cultura pop. Isto porque, é muitas vezes a inspiração para peças de merchandising, músicas, filmes, etc.

Além disso, o próprio gaming também tem influências que tornam a cultura pop ainda mais relevante. Por exemplo, quando são realizados videojogos de época ou temporais, estes facilmente conseguem chegar a ainda mais público, trazendo consigo o contexto e história da época.

Nesse sentido, jogos AAA como Assassin’s Creed, God Of War ou Uncharted trazem muitos elementos de culturas antigas. Por exemplo, quem for fã de alguns destes videojogos consegue acessórios próprios em lojas especializadas. Sendo que muitas dessas peças são então alusivas à época a que a história do jogo está ligada.

Por outro lado, esta inspiração não se fica pelas grandes produções da indústria. No setor dos casinos online, os jogos de slots, as famosas caça níquel, trazem também consigo esses mesmos elementos nos seus conteúdos. Por exemplo, Mayan Blocks ou Vikings Empire Treasures, são exemplos de slots inspiradas na mitologia Maia ou Nórdica. Graças à evolução das slot machines para o online, existem editoras que se inspiram nesses temas para criar narrativas com animações e elementos culturais próprios.

Tudo isto mostra então, que acaba por ser um ciclo, no qual as influências se alimentam “umas às outras”, fazendo mexer o contexto a que estão ligadas.

Música

Outro dos exemplos que marca e inspirou gerações. A música tem o dom de ser uma arte que completa o ser humano e os artistas são muito maiores que simples cantores ou instrumentistas, são uma inspiração diária com as suas músicas.

Quem não se lembra dos monstrinhos da Lady Gaga? Ou os Beliebers, de Justin Bieber? Estes grupos são exemplos perfeitos da cultura pop.
São comunidades que seguem o artista para todo o lado, compram o seu merchandising, imitam o seu estilo ou até mesmo formas de ser. São fenómenos que representam a voz do artista muito além dos palcos.

Tecnologia

A cultura pop da tecnologia é traduzida pelos avanços desenvolvidos ao longo de um determinado período de tempo, como as consolas de videojogos dos anos 90, símbolos dessa época.
Linux ou Microsoft? iOS ou Android? Apple ou Samsung? Tal como os fãs acérrimos dos artistas, também a tecnologia ao longo dos anos trouxe à sociedade utilizadores específicos de determinados gadgets.
O caso do iOS vs Android é um dos mais populares. Existe uma comunidade muito grande de pessoas que só compra Apple e iPhones, tal como existem, pessoas que só compram Android e são fãs da Samsung.
Isto são exemplos de como a cultura das próprias marcas conseguiu passar para os fãs e estes se tornaram também os defensores das mesmas em artigos de opinião ou até mesmo em questão de aconselhamento de compras de smartphones. São utilizadores que vivem e respiram a marca.

Cinema

Por fim, temos a sétima arte. Mais um expoente da cultura pop. Em que sentido? Em todos os seus géneros de filmes.
Cada género é uma cultura. Existem fãs de Noir, adoradores de contemporâneo ou adeptos de terror. Esses grupos têm e compram tudo o que existe sobre aquele determinado clássico do cinema.
Realizadores como Kubrick, Spielberg ou Tarantino, acompanhados de sagas como Star Wars, Padrinho ou Saw, têm um universo de fãs que não os deixa em qualquer circunstância.
Em suma, a cultura pop é então a manifestação de uma intenção relativamente a um tema. É a apreciação e reconhecimento que a sociedade dá a determinado tópico que, por sua vez, se transforma em algo muito maior.
Afinal de contas, cultura é história e essa é a representação da vida humana.

- publicidade -

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.