Rubrica

A arte de relativizar

- publicidade -

Viver no presente, sem projetar angústias de futuro e reviver o passado, será um desafio comum a muitos de nós.

Mas como fazer isto? Como aprender a ser feliz “Aqui e Agora”? Como aprender a viver o presente?

Acredito que umas das ferramentas mais importantes será a aprendizagem da relativização. Como psicoterapeuta, constato uma tendência para viver a realidade de forma pessimista, com os cenários mais complexos e catastróficos, muitas vezes sem uma base de sustentação real para esta perspetiva.

Se ponderarmos bem, verificamos que a maioria das situações que nos angustia acaba por se revolver ou nem se vem a verificar. Porque sofremos então, tanto por antecipação?

Colocar o foco nos problemas que dependem da nossa intervenção direta, é uma premissa fundamental para sermos mais felizes. Outra será priorizar, elencar as situações que temos para resolver e começar por aquelas que são realmente mais prementes para o nosso bem-estar e saúde mental.

Estas estratégias contribuem para que consigamos relativizar, situações e sentimentos. Até a dor mais profunda, não dura para sempre. O importante é que saibamos construir mecanismos de autoproteção e de empoderamento. Cada um de nós tem as ferramentas certas dentro de si, precisa apenas de acreditar e de ter amor próprio suficiente para alicerçar esta confiança.

Viva o hoje! Relativize! Coloque o foco no que realmente importa e naquilo que consegue alterar.

O resto? O resto entregue. E seja feliz! A vida é hoje!


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *