Estilo de Vida

6 benefícios do chá para a saúde

- publicidade -

Natural e muito eficaz, o chá é uma das bebidas mais consumidas, existindo um para cada necessidade. Por isso, encontrámos seis boas razões para incluir esta bebida no seu dia-a-dia, beneficiando a sua saúde.

Mas atenção, tudo o que é demais pode fazer mal e, apesar de o chá ter vários aspetos positivos deve ter em consideração algumas contraindicações, especialmente em pessoas grávidas, hipertensas, que sofrem de gastrite ou tomam alguma medicação específica. Nestes casos é recomendada a consulta de um médico para saber quais os chás que pode ou não tomar.

#1- Fonte de hidratação

Existem diversas variedades de chás e todas elas são excelentes fontes de hidratação. Se é daquelas pessoas que não dispensa regularmente uma chávena desta bebida, saiba que está a contribuir para a boa hidratação do corpo.

#2- Poder antioxidante

Por conter diversos fitonutrientes com forte ação antioxidante, o consumo de chá combate o envelhecimento. Além disso, esta propriedade faz desta bebida uma aliada do coração, evitando a arteriosclerose.

#3- Ajuda a relaxar

Alguns chás contêm L-Teanina e baixos níveis de cafeína. Estas propriedades produzem um efeito tranquilizante no cérebro, induzindo o relaxamento sem causar sonolência.

#4- É anticancerígeno

- publicidade -

Em especial os compostos do chá verde que têm a vantagem de proteger o organismo contra agentes cancerígenos e as células tumorais do pulmão, pele, próstata e estômago.

#5 – Tem propriedades antibacterianas

Os fitonutrientes presentes nalguns chás conferem não só o seu sabor, mas também variadíssimas qualidades antivirais e antibacterianas.

#6- Acelera o metabolismo

Quando consumido quente, o chá aumenta a temperatura corporal, acelera o metabolismo e contribui para a queima de calorias.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui